Postado em 27 de Janeiro de 2014 às 18h34

Fossá quer mudanças no sistema de numeração

Plano Diretor (7)Cleiton Fossá (314)Chapecó (304)
Chapecó - O vereador Cleiton Fossá voltou a manifestar preocupação em relação ao sistema de numeração da cidade de Chapecó. O parlamentar explica que recebe inúmeros relatos da comunidade devido os problemas na entrega de correspondências, motivada pela falta de ordem ordenada na numeração das residências, inexistência de placas de identificação nominal das ruas, falta de CEP, entre outros. Em novembro passado, Fossá promoveu uma reunião de trabalho na Câmara de Vereadores para discutir o assunto. Fossá comenta que a atual legislação municipal adota um sistema de numeração residencial único no Brasil - criado pela Lei Municipal n. 2.568/84 ', que além de não acompanhar o desenvolvimento de Chapecó, dificulta muito a entrega das correspondências, o trabalho dos profissionais dos Correios e de outros serviços, fatos que ocasionam problemas aos usuários dos serviços postais e trabalhadores. 'O atual sistema é antigo e não dá conta da demanda de crescimento de Chapecó. É preciso modernizar'. Proposta Nas Audiências Públicas que estão tratando do novo Plano Diretor, Fossá propôs a regulamentação da identificação dos imóveis edificados e não edificados, ou seja, que os imóveis apresentem numeração de forma ordenada, individualizada e única; que os logradouros públicos, vias e ruas contenham placas indicativas de nomes, bairros e CEP; e que tais informações integrem o mapa do município. 'Entendo que tais proposições vão ao encontro dos princípios do plano diretor que visam o crescimento ordenado da cidade e o bem comum', finaliza.

Veja também

Prefeitura de Chapecó descumpre TAC e recebe multa de R$ 440 mil28/09/15 Chapecó - A prefeitura de Chapecó foi multada em R$ 440 mil pela 13ª Promotoria de Justiça da Comarca de Chapecó e, assim, está impedida de receber transferências de recursos federais até efetuar o pagamento do débito. O Ofício de Protesto de Título já foi comunicado sobre a decisão, assinada pelo promotor Eduardo Sens dos Santos no último dia 14 de setembro. A multa foi aplicada após a administração municipal ter......

Voltar para NOTÍCIAS