Postado em 23 de Setembro de 2014 às 19h34

ONG trabalha no combate ao suicídio

Vereador (224)Cleiton Fossá (314)Chapecó (304)Câmara (84)
Chapecó - O coordenador do Centro de Valorização da Vida (CVV) em Santa Catarina, João Régis da Silva, participou da sessão da Câmara de Vereadores de Chapecó na manhã desta terça-feira (23). Ele atendeu convite através do requerimento 238/14, do vereador Cleiton Fossá, que atualmente está licenciado, e fez uma apresentação da entidade. A coordenadora em Chapecó, Rosangela Fernandes de Oliveira, também esteve presente. O Centro de Valorização da Vida é uma ONG que realiza trabalho principalmente no combate ao suicídio e que oferece ajuda já há 52 anos. Conforme João, hoje, em média, 25 brasileiros morrem por dia vítimas de suicídio, sendo que 90% destes casos podiam ser prevenidos. No Brasil, são mais de 2,5 mil voluntários e existem 69 postos de atendimentos que funcionam todos os dias por telefone, pessoalmente, via e-mail, skype, voip, internet e carta. O coordenador disse que nos últimos dez anos já foram atendidos mais de um milhão de pessoas por ano, sempre de forma gratuita e sigilosa. Fossá esteve acompanhando a visita. Ele diz que a depressão é considerada o mal do século e é uma doença que cresce muito no Brasil, sendo uma das principais causas do suicídio. 'Os vereadores, assim como o poder executivo, tem o dever de colaborar com entidades que visam preservar a vida', explicou Fossá.

Veja também

Fossá faz pedido sobre segurança nas escolas26/08/14 Chapecó - A Câmara de Vereadores de Chapecó aprovou o requerimento 228/14, de autoria do vereador Cleiton Fossá, que solicita informações à administração municipal. O pedido de informações do vereador é referente ao Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) que a prefeitura de Chapecó firmou junto ao Ministério Público de Santa Catarina, em dezembro de 2013. Após realizar fiscalização nos estabelecimentos municipais de......

Voltar para NOTÍCIAS