Postado em 22 de Maio de 2014 às 01h40

Projeto que cria Comissão de Ética já tramita

Vereador (224)Comissão De Ética (6)Cleiton Fossá (314)Chapecó (304)Câmara (84)
Chapecó - Começou a tramitar na Câmara de Vereadores de Chapecó nesta quarta-feira (21) o projeto de resolução 076/14, de autoria dos vereadores Cleiton Fossá e Mário Tomasi, e subscrito por todos os vereadores, que inclui no regimento interno do legislativo chapecoense a Comissão Permanente de Ética e Decoro Parlamentar. Ela será composta por três vereadores, que terão mandato de dois anos. Os membros serão escolhidos após a aprovação do projeto. A Comissão terá a competência de processar fatos, comportamentos e decisões dos vereadores de Chapecó, tendo a missão de preservar a dignidade do mandato parlamentar. Conforme Fossá, a atuação parlamentar deve ser pautada pela ética, honestidade e consciência de que todo vereador é um homem público 24 horas por dia. 'O vereador representa a comunidade não apenas dentro do legislativo, por isso sua conduta deve ser adequada dentro e fora da Câmara', explica. Fossá ressalta que a Câmara de Chapecó e seus vereadores têm pautas, debates e ações relevantes à comunidade, porém, alguns fatos individuais e isolados cometidos por alguns vereadores repercutiram negativamente na sociedade. Por isso, diz ele, é preciso criar um mecanismo que zele pela conduta correta dos vereadores. 'A composição desta Comissão demonstra que o parlamento chapecoense não tolerará ações equivocadas cometidas por qualquer de seus membros', finaliza.

Veja também

Fossá mantém audiência no TCE/SC05/12/13 Chapecó - O vereador Cleiton Fossá esteve nesta quarta-feira em Florianópolis, onde manteve audiência no Tribunal de Contas de Santa Catarina (TCE/SC). Fossá foi recebido pelo diretor da Diretoria de Controle dos Municípios (DMU), Kliwer Schmitt. O assunto principal da conversa foi o déficit da prefeitura de Chapecó com o Sistema Municipal de Previdência de Chapecó (Simprevi), que atinge R$ 139 milhões, conforme......

Voltar para NOTÍCIAS