Postado em 21 de Maio de 2014 às 13h50

Reunião discutirá ampliação dos cursos do IFSC

Vereador (224)Cleiton Fossá (314)Chapecó (304)Câmara (84)
Chapecó - A Câmara de Vereadores de Chapecó aprovou nesta terça-feira (20) o requerimento 162/14, de autoria do vereador Cleiton Fossá, que propõe a realização de uma reunião de trabalho a fim de discutir a criação de novos cursos no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), Campus Chapecó. Em visita de cortesia ao local, o diretor-geral Mauro Ceretta Moreira relatou ao vereador a necessidade de discutir a abertura de novos cursos, especialmente na área da segurança no trabalho, construção civil, técnico em refrigeração e técnico em alimentos. Após isso, Fossá articulou a proposta de uma reunião de trabalho com representantes das áreas citadas pelo IFSC como prioritárias para expansão. Foram convidados os presidentes do Sindicato das Indústrias da Construção e de Artefatos de Concreto Armado do Oeste (Sinduscon), do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário de Chapecó (Siticom), do Sindicato dos Técnicos de Segurança do Trabalho em SC (Sintesc), do Sindicato das Indústrias de Carnes e Derivados (Sindicarnes), e do Sindicato dos Técnicos Industriais de SC (Sintec). Conforme Fossá, a reunião é muito importante para discutir a ampliação dos cursos oferecidos pelo IFSC, como forma de oferecer cursos gratuitos de qualificação de mão de obra à população. 'É notória a falta de profissionais qualificados em algumas áreas. Com novos cursos, a comunidade ganha especialização e as empresas ganham profissionais capacitados', explica. A proposta de reunião de trabalho ganhou apoio de outros vereadores, como Marcilei Vignatti e Cleber Ceccon, que subscreveram o requerimento. O encontro agora será agendado.

Veja também

Cleiton Fossá cobra padronização dos pontos de ônibus30/07/15 Chapecó - O vereador Cleiton Fossá apresentou requerimento solicitando da prefeitura de Chapecó informações a respeito da não publicação de um decreto que trata sobre a padronização dos abrigos de passageiros do transporte público. No documento, o edil pede rapidez por parte do poder público na promulgação do decreto. Ele argumenta que a população quer uma solução para o problema. 'Esse é um direito do usuário,......

Voltar para NOTÍCIAS