Postado em 21 de Junho de 2018 às 16h02

Cleiton Fossá defende lei de assistência técnica para obras

Cleiton Fossá | Vereador Chapecó – Através de uma transmissão ao vivo por suas redes sociais, o vereador Cleiton Fossá voltou a abordar a respeito da Lei Federal 11.888/2008, que assegura às...

Chapecó – Através de uma transmissão ao vivo por suas redes sociais, o vereador Cleiton Fossá voltou a abordar a respeito da Lei Federal 11.888/2008, que assegura às famílias de baixa renda, aquelas cuja renda mensal é de até três salários-mínimos, assistência técnica pública e gratuita para o projeto e a construção de habitação. No último dia 12, o mandato do vereador promoveu uma Reunião de Trabalho que debateu a possibilidade da implementação de convênios entre entidades que trabalham a elaboração/regularização de imóveis residenciais.

A Lei Federal existe desde 2008, mas o município de Chapecó ainda não aderiu ao programa. Após identificar isso, Cleiton Fossá buscou informações e promoveu a reunião, que envolveu a Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Chapecó, a 13ª Promotoria de Justiça de Chapecó, a Defensoria Pública de Chapecó, a Caixa Econômica Federal, professores e acadêmicos dos cursos de Arquitetura e Urbanismo da Unoesc e da Unochapecó, além de profissionais desta área. “O Poder Legislativo cumpriu o papel de fomentar e debater esse importante tema”, diz.

A lei de assistência técnica pública e gratuita engloba o projeto, acompanhamento e execução de reforma, ampliação ou regularização da habitação. Ela não substitui outros programas que contribuem para o acesso à moradia, pelo contrário, é uma alternativa a mais para auxiliar famílias que não estão entre as características exigidas em programas como o “Minha Casa, Minha Vida” ou “Crédito Solidário” e, também, não possuem regras rígidas que impeçam a qualidade das moradias, como reivindicava o Banco Nacional de Habitação (BNH).

No encontro foi apontado a importância da criação de convênios para que arquitetos e urbanistas, assistentes sociais e profissionais da área do direito possam prestar o serviço de assistência técnica, que serão custeados pelo Governo Federal. Ficou definido que em até 30 dias o setor de captação de recursos da prefeitura de Chapecó fará contato junto ao Ministério das Cidades para articular a liberação de valores, que depois serão acessados através da Caixa. Após, será firmado o convênio com as universidades e profissionais interessados.

 

Bruno Pace Dori, Assessoria de Comunicação Cleiton Fossá

Veja também

Cleiton Fossá avalia três anos de mandato16/12/15 Chapecó - Encerrando o ano de 2015, Cleiton Fossá completa três anos como vereador de Chapecó. Neste período, Fossá promoveu debates em áreas que impactam diretamente nas vidas dos cidadãos chapecoenses, buscando resolver problemas cotidianos e planejando o município para os próximos anos, além de cumprir o papel constitucional de fiscalizar. Temas como saúde, educação, segurança pública, inovação tecnológica, ética......
Fossá apresenta projeto que restringe uso de diárias14/03/16 Chapecó - O vereador Cleiton Fossá protocolou na Câmara de Chapecó um Projeto de Resolução que restringe uso de diárias por parte do Poder Legislativo municipal. Conforme a iniciativa, as diárias aos vereadores de Chapecó somente serão concedidas......

Voltar para NOTÍCIAS