Postado em 31 de Agosto de 2015 às 19h41

Parecer diz que não há o termo 'ideologia de gênero'no Plano Municipal de Educação

Chapecó (304)Cleiton Fossá (314)Plano Municipal De Educação (3)Projeto (23)Vereador (224)
Chapecó - "Quando o Plano Municipal de Educação foi à discussão no legislativo, alguns colegas vereadores levantaram a questão da 'ideologia de gênero', acusando eu e outros vereadores de sermos contra a família. Na ocasião, perante tal caluniosa acusação, solicitei à procuradoria jurídica da Câmara de Vereadores que emitisse um parecer para comprovar se no Plano havia o termo 'ideologia de gênero'. A procuradora adjunta assinou parecer atestando que não há qualquer menção a dita disciplina, nem orientação de construção de banheiros de uso comuns nas escolas, ou qualquer outra falácia inventada no sentido de confundir a população na discussão do Plano Municipal de Educação. Escola é um espaço para aquisição e construção do conhecimento e não de doutrinação de qualquer tipo de ideologia".   oficio01 oficio02 oficio03

Veja também

Fossá volta a pedir padronização dos pontos de ônibus20/01/16 Chapecó - A Lei Municipal 5.669/2009, que trata sobre a padronização dos abrigos de passageiros do transporte coletivo de Chapecó, foi aprovada pela Câmara de Vereadores em novembro de 2009. Mais de seis anos depois, entretanto, ela ainda não entrou em vigor. O motivo é que o cronograma para padronização dos pontos de ônibus deveria acontecer a partir de um decreto municipal, que ainda não foi publicado pelo poder......

Voltar para NOTÍCIAS