Postado em 22 de Junho de 2015 às 19h48

Fossá apresenta projeto que acaba com troca de favores

Chapecó (304)Cleiton Fossá (314)Projeto (23)Vereador (224)
Chapecó - O vereador Cleiton Fossá protocolou na tarde desta segunda-feira (22) o Projeto de Lei 93/15, que proíbe os poderes executivo e legislativo municipal de contratar com empresas que tenham feito doações para partidos políticos ou para campanhas eleitorais de candidatos a cargos eletivos. O projeto agora tramitará nas comissões permanentes da Câmara de Vereadores de Chapecó antes de ser analisado pelo Plenário da Casa. O Projeto proíbe executivo e legislativo municipal de celebrar ou prorrogar contrato com empresas ou consórcio de empresas que tenham efetuado doação em dinheiro pelo período de quatro anos, contatos a partir da data da doação. Conforme Fossá, a iniciativa visa evitar atos de improbidade mascarados de legalidade. 'Empresas, com raras exceções, não doam dinheiro para candidatos ou campanhas, elas investem', ressalta o vereador. A proibição, explica Fossá, acaba com a expectativa de que uma doação seja feita visando a algum eventual favorecimento em um processo de contratação. 'Precisamos de pessoas que usem a política para defender a coletividade e o interesse público e não de pessoas que usam a política para enriquecer'. Fossá se elegeu sem dinheiro de doação empresarial e defende o fim desta prática nas eleições. 'Favorece a democracia', finaliza.

Veja também

Fossá pede sinalização nos locais com lombadas eletrônicas27/11/14 Chapecó - Através de indicação, aprovada por unanimidade, o vereador Cleiton Fossá solicita à prefeitura de Chapecó que realize sinalização nos locais onde estão instaladas os equipamentos de lombada eletrônica. Conforme o vereador, são diversas reclamações da população em geral sobre a instalação dos radares em Chapecó sem a devida sinalização dos equipamentos. Fossá ressalta que Chapecó não pode ser transformada......
Fossá tem moção aprovada03/12/13 Chapecó - A Câmara de Vereadores de Chapecó aprovou moção de apoio pela aprovação do Projeto de Lei 6/2007, de autoria do deputado Mendes Ribeiro, que declara feriado forense aos advogados nos dias compreendidos entre 20 de dezembro e 6 de janeiro, inclusive,......

Voltar para NOTÍCIAS