Postado em 23 de Janeiro de 2014 às 18h54

Fossá foca propostas no interesse social

Plano Diretor (7)Cleiton Fossá (314)Chapecó (304)
Chapecó - O novo Plano Diretor de Chapecó segue sendo discutido através de Audiências Públicas nos bairros e o vereador Cleiton Fossá teve mais sugestões aprovadas. O parlamentar pediu que os cadastros de espera nos loteamentos de interesse social - que engloba famílias com renda entre um e três salários mínimos - sejam tornados públicos pela Secretaria de Habitação. 'Isso deixará o processo mais transparente e evitará que pessoas sejam passadas ilegalmente para o início da fila de espera', explicou o vereador. Outra proposta de Fossá é para que os loteamentos de interesse social só sejam liberados para serem ocupados após o poder público municipal disponibilizar toda a infraestrutura essencial, como creche, posto de saúde, transporte coletivo, entre outros. 'Isso impedirá que casos como dos loteamentos Monte Castelo e Expoente se repitam; os moradores foram 'depositados' naqueles locais e até hoje esperam que a creche e o posto de saúde sejam concluídos'. As propostas agora serão defendidas na Câmara de Vereadores. Fossá apresentou ainda pedido para que moradores com contratos de concessão de direito das moradias de loteamentos de interesse social possuam escritura pública, ou sejam, tenham validade formal. O vereador também teve aprovada proposta para que as famílias com renda entre um e três salários mínimos também possam acessar loteamentos de caráter popular. Pelo projeto original, somente famílias com renda entre três e sete salários poderiam acessar esse tipo de programa. 'Propus uma adequação neste item', finalizou.

Veja também

Governo Caramori é derrotado em votação22/04/14 Chapecó - O governo Caramori sofreu um revés nesta terça-feira (22) durante a sessão da Câmara de Vereadores de Chapecó. Três recursos apresentados pelo vereador Cleiton Fossá, contra arquivamento de três projetos de sua autoria, foram votados e aprovados por maioria de votos. Enquanto os sete vereadores de oposição estavam presentes na sessão e votaram a favor dos recursos, apenas seis vereadores da base governista......

Voltar para NOTÍCIAS