Postado em 06 de Julho de 2016 às 17h51

Fossá pede solução para falta de medicamentos

Chapecó - O vereador Cleiton Fossá tem recebido reclamações constantes de usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) em Chapecó, a respeito da falta de medicamentos nas Unidades de Saúde do município. Visando esclarecer a situação e normalizar a distribuição de medicamentos, Fossá apresentou requerimento na Câmara solicitando informações do poder executivo municipal. Conforme Fossá, o desabastecimento de medicamentos já ocorreu em anos anteriores em Chapecó e novamente acontece agora. Muitos destas medicações estão disponíveis apenas na rede privada, sendo que a maioria da população não tem condições de comprar, principalmente, remédios de uso contínuo. 'Precisamos entender o problema e buscar soluções o mais rápido possível', diz ele. Para o vereador, a questão até pode ser nacional, mas a prefeitura e a Secretaria de Saúde precisam dar uma resposta aos cidadãos e buscar alternativas para enfrentar o problema. 'Muitas pessoas dependem destes remédios e não podem comprá-los. O cidadão precisa de explicações e que resolvam a questão urgentemente', finaliza Fossá, que espera agora a vinda das justificativas.

Veja também

Cleiton Fossá expõe 'caça às bruxas' na Unochapecó04/02/16 Chapecó - 'A Unochapecó viveu ano passado um eleição digna de uma Universidade Comunitária, que deve sempre ter como princípio a participação e representação. Tenho recebido inúmeras manifestações da comunidade acadêmica indignadas com uma suposta "caça às bruxas", ou seja, a demissão de diversos adversários no processo que elegeu a nova reitoria. Não bastasse isso, fico pasmo com a proposta do Conselho......
Voz do Interior: acesso aos direitos básicos é precário!30/05/18 Chapecó – A Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), ressaltou que 80% de toda a comida do mundo é produzida por meio da agricultura familiar. A Rosane Coser é......
Maio Amarelo: Bebida Alcoólica vs. Trânsito04/05/18 Chapecó – Os portões pareciam rampas entre o muro e o chão. Os vidros estilhaçados e as cadeiras verdes jogadas e tortas já indicavam que algo tinha acontecido naquele local. O quadro azul na parede cheio de desenhos,......

Voltar para NOTÍCIAS