Postado em 18 de Fevereiro de 2016 às 19h37

Moção contra CPMF é aprovada

Chapecó - A Câmara de Vereadores de Chapecó aprovou, durante sessão realizada nesta quinta-feira, a Moção de Apelo 10/16, de autoria do vereador Cleiton Fossá, contra o restabelecimento da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), prioridade neste ano, da qual o governo federal pretende arrecadar mais de R$ 10 bilhões. A Moção será encaminhada aos presidentes da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e do Senado Federal, Renan Calheiros. Fossá argumenta que a referida iniciativa, caso concretizada, penaliza ainda mais os cidadãos brasileiros, que já passam por dificuldades suficientes em razão do atual cenário econômico. Para o vereador, o governo deve avaliar alternativas antes da criação de nova carga tributária como, por exemplo, o imposto sobre Grandes Fortunas, que já é prevista pela Constituição Federal, mas até hoje não foi regulamentada (artigo 153, inciso VII, da Constituição Federal). Para Fossá, a proposição da Moção mostra a coerência do mandato em relação a ser contra aumento de impostos ou criação de novas taxas. O vereador lembra que em nível municipal votou contra os reajustes das taxas de Custeio da Iluminação Pública (Cosip) e de Coleta de Resíduos (TCR), ambos propostos pelo governo municipal e aprovados em 2013, que impactaram diretamente nos IPTUs dos chapecoenses, amentando, em média, 200% os valores cobrados anualmente dos cidadãos.

Veja também

Número de casos confirmados passa de 400 em Chapecó12/05/20 Nesta terça-feira (12) a atualização da Prefeitura de Chapecó apresenta a confirmação de mais 52 novos casos. Até o momento, são 405 casos confirmados, 43 estão recuperados e nenhum óbito foi registrado. Destes pacientes infectados com a Covid-19, 14 estão internados e 348 isolados. Dos 135 casos suspeitos notificados, 131......
O perfil do trabalhador: reflexões sobre sua condição!30/04/18 Chapecó – Às vésperas da comemoração do dia do trabalhador nos colocamos diante de dois processos antagônicos. O primeiro é o reconhecimento da importância do trabalho em nossa sociedade e o valor do......

Voltar para NOTÍCIAS